Bru Calderon

Salada no Pote

Salada no Pote

No mundo da gastronomia, é comum uma receita virar febre e, de uma hora pra outra, tomar conta de todos os blogs, livros e fotos nas redes sociais. Nem tudo o que vira moda permanece no gosto das pessoas por muito tempo; muita gente enjoa do modismo e acaba se esquecendo daquela mania. Porém, algumas febres acabam ganhando o coração das pessoas e se tornam habitual na vida de muita gente. Foi exatamente o que aconteceu com a salada no pote.

Seja pela ausência de restaurantes por perto, por preferir a comida de casa ou por algum regime, muitas pessoas costumam levar marmitas para o escritório ou empresa que trabalham. E a grande questão era como armazenar e levar legumes e verduras. Por serem alimentos muito sensíveis, eles sofrem com as alterações de temperatura e umidade do ar, perdendo qualidade, sabor, crocância e consistência rapidamente. Isso fazia com que as pessoas buscassem alimentos que não estragassem tão facilmente, enchendo seus potinhos plásticos com comidas não tão saudáveis.

Armazenar alimentos em potes é um costume tão antigo que é difícil precisar onde ou como surgiu, mas fato é que foram os Estados Unidos que deram início à onda de armazenar e servir alimentos em potes. O diferencial? Eles faziam isso em potinhos de vidros transparentes. A ideia inicial era simplesmente reaproveitar os grandes potes de vidro de azeitonas, picles e conservas depois que o conteúdo tivesse acabado. Mas este tipo de armazenamento se tornou muito eficaz e ganhou o mundo.

Salada no PoteO vidro ajuda a manter a temperatura do alimento sem que ele sofra contato com o ambiente. Os vidros são normalmente bem vedados, o que faz com que os alimentos não murchem, não percam a crocância e sejam conservados por mais tempo. Com isso, adivinhe só quem ganhou novos recipientes de vidro para serem transportadas e servidas? As saladas! Logo o costume de servir os alimentos em potes de vidro chegou ao mundo da alimentação saudável e parece que essa moda não vai embora tão cedo.

A ideia de fazer saladas em potes de vidro é criativa, inteligente e muito bonita. As folhas e vegetais são preservados, a temperatura interna é mantida, o sabor e a cor dos alimentos permanecem vibrantes e todos os nutrientes ficam intactos dentro do potinho de vidro. Aqui vão algumas dicas para quem quer aderir à moda que chegou para ficar:

– Use frascos com a boca larga para inserir os alimentos com maior facilidade;

– Evite colocar tomates picados, pois eles soltam muita água. Prefira o tomate cereja inteiro;

– Ferva água e jogue no pote e na tampa três vezes antes de usá-lo para garantir a perfeita limpeza;

– As folhas devem ser muito bem lavadas e, mais importante, secas.

É essencial que as folhas da salada no pote estejam muito bem secas pois, sem dúvida, são elas que mais sofrem com a armazenagem. As folhas são muito sensíveis e, se forem armazenadas ainda úmidas, rapidamente ficarão feias, moles e estragadas.

Salada no PoteO contato do líquido com as folhas deve acontecer apenas no momento de misturar o molho e apreciar a sua salada, e é por isso eu conto com a ajuda da centrífuga Spinning da Ghidini. Esta centrífuga pode ser utilizadas para saladas e verduras. Com apenas 3 voltas na manivela, o alimento já sai seco! Acho super legal seu sistema, que tem um botão na parte de cima que faz com que o cesto pare de rodar e você não precise esperar um tempão até que ele pare sozinho. Ela pode ser completamente desmontada para ser lavada e pode ser colocada na lava-louças.

A centrífuga Spinning mede 24,5 cm, o que é perfeito para lavar um pé de alface inteiro! É um daqueles itens que, depois de usar uma vez, você não consegue mais viver sem, sabe? É essencial em qualquer cozinha, pois promove a secagem por completo dos alimentos para que você consiga preparar sua salada com muita mais rapidez e praticidade.

Deixarei aqui uma sugestão de salada no pote que adoro, super saudável, nutritiva e refrescante. Mas você pode usar sua criatividade para criar uma versão com os alimentos que mais gostar!


INGREDIENTES

  • Alface verde
  • Alface roxa
  • Rúcula
  • Milho
  • Beterraba
  • Cenoura
  • Azeite
  • Sal
  • Pimenta
  • Limão

MODO DE PREPARO

Lave muito bem as folhas e seque com a centrífuga Spinning. Rale a beterraba e a cenoura no ralador fino. Agora é só usar a criatividade e montar sua salada no pote, fazendo camadas intercaladas dos ingredientes para ficar tudo bem colorido! Prepare o molho em um recipiente separado, misturando suco de 1 limão, 3 colheres de azeite e temperando com sal e pimenta. Leve o molho separadamente e jogue dentro do potinho quando for se servir.

DICAS

Se quiser, pode preparar o molho já no pote de vidro, mas lembre-se que as folhas devem ficar secas, certo? Nesse caso, coloque primeiro o molho no fundo do pote e faça as camadas primeiro com o milho, cenoura e beterraba por baixo, e as folhas por cima. Na hora de comer é só agitar o potinho antes de abrir e se servir!

Salada no Pote

Você pode conferir essa centrífuga e outros produtos da Imeltron no site:

www.imeltron.com.br

Que tal receber minhas receitas super quentinhas direto no seu email?

É só informar o seu melhor email: